A gente também palpita. Pode, né?

Todos comentam o formidável ataque da geração belga. Nomes de tirar o chapéu, cada um mais rocambolesco que o outro: Hazard, Lukaku, De Bruyne, Januzaj, meu xará Vertonghen. Sei não. Primeiro tempo com o Panamá, zero a zero; oitavas de final contra o Japão, depois de uma hora de bola rolando, o jogo estava dois a zero pra moçada do Sol Nascente. Por isso, vendo esse baita molezinho dado pelos refinados craques de Bruxelas, acho que a Seleção Brasileira tem tudo pra dar um chocolate belga neles. O anúncio criado pela Todos Nós para divulgar a transmissão do jogo pela Super Rádio Tupi está confiante. Com Neymar, Coutinho & Cia, acho que confiante é o mínimo que a torcida deveria estar, né não?

Clientes | Comente

A líder e a favorita

Hoje é dia de favorito confirmar favoritismo. Depois dos bichos papões Alemanha, Espanha e Argentina já terem arrumado as malas, restaram no páreo França e Brasil. OK – você pode falar que Uruguai e Inglaterra somados têm 3 títulos mundiais, que a Bélgica jogou o melhor futebol do torneio e que a Rússia joga em casa. Hummmmm… acho que não vai rolar. E você, o que acha? Na dúvida, vale ouvir o que os craques da líder Super Rádio Tupi têm a dizer. A Todos Nós publicou nos jornais de hoje mais um anúncio chamando para a transmissão dos jogos da Seleção. Os comentaristas da emissora estarão no ar a partir das 10h, contando tudo sobre o jogo. Agora é pra valer. #seguealider

Clientes | Comente

Maradona reza, STF libera e Tupi lidera

Esta manhã, nas bancas do Rio, os assuntos em pauta foram a Argentina em segundo, a Super Rádio Tupi no primeiro lugar da audiência e a Segunda Turma do STF cumprindo a rotina. O anúncio em destaque foi o veiculado hoje na página 27 do tablóide carioca Meia Hora (e também na página 13 do também carioca jornal O Dia). O jogo chamado era Brasil x Sérvia. Deu Brasil na cabeça, enquanto a Alemanha amargou um duplo salsichão coreano e já marcou passagem de volta no trem para Nuremberg.

Clientes | Comente

They asked for it

Para aprovação das peças publicitárias mencionando a Copa do Mundo, a FIFA determina sejam seguidos uma série de critérios referentes à nomenclatura utilizada para menção ao torneio. A organização solicita também que os materiais sejam vertidos para o inglês. A Todos Nós, naturalmente, cumpriu o procedimento solicitado. A bem da verdade, não deixa de ser uma oportunidade para a SUPER RÁDIO TUPI compartilhar com o mundo inteiro a qualidade da sua transmissão.

Clientes | Comente

Sair sem pagar é coisa feia

Nuestros hermanos costa-riquenhos acharam que iam sair sem pagar. Ops! Mas não rolou. Já estavam quase indo embora do gramado, quando a conta chegou em dobro. Ô patinho caro…

Clientes | Comente

Um baita panel of experts

A Tupi transmite logo mais BRASIL vs SUIÇA para o mundo inteiro, na estreia brasileira na Copa. A expectativa é alta, o time é de craques e a Todos Nós divulga. O planeta quer ver o escrete e escutar a líder.

Clientes | Comente

Qualidade e precisão

Os produtos da Agena EPI permanecem entre os mais vendidos no Brasil, dentro das suas especificações. A Todos Nós permanece cuidando da apresentação dos produtos da Agena EPI.

Clientes | Comente

Cossacos de Rocha Miranda e arredores

Em uma semana começa a Copa do Mundo. Por incontáveis fatores – greve, intervenção e o 7×1, entre muitos outros -, o entusiasmo popular não parece o mesmo de copas passadas. Será que, quando a bola rolar, isso muda? A ver. Confiante, a Todos Nós deu partida hoje nos jornais cariocas à nova campanha publicitária da Super Rádio Tupi chamando para a transmissão do evento. Cossacos do Rio e de Niterói a postos.

Clientes | Comente

Por leis que corrijam o errado. É possível

Em um momento em que o país tanto precisa de leis corretivas que reorganizem o desmando em que vivemos, ontem o Brasil pôde celebrar os 130 anos de uma das suas leis mais fundamentais. A Lei da Abolição pôs fim à exploração legal de um ser humano pelo outro. A Todos Nós teve algumas vezes a honra de celebrar esta data essencial – uma delas em um anúncio de página inteira para o Jornal do Commercio. É  fato que permanecemos a anos-luz de uma sociedade justa – mas não será à sombra da lei que iremos alcançá-la.

Agência, Clientes | Comente

Com uma nota, maestro

No último fim de semana a Todos Nós foi convidada a participar do novo projeto de um grande amigo, com longa trajetória na direção artística de algumas das principais emissoras de rádio do país. Hoje um músico brasileiro radicado em Berlim, Ricardo Henrique Raymundo deu partida à Resonant Harmonics, empresa especializada em trilhas sonoras para longas, médias e curtas metragens. Já presente em diversos eventos de expressão global, a RH Berlin (em bela sacada de batismo) encomendou à agência a criação de logo e material gráfico – que você vê no destaque acima. Job prazeiroso para uma atividade idem.

Clientes | Comente

Geral ficou ligado

Enquanto a montagem dos painéis era feita na fachada da Super Rádio Tupi, na semana passada, bacana foi o entusiasmo e a participação de toda a equipe da emissora. A cada momento um novo grupo vinha acompanhar os trabalhos. E, lógico, comentando as fotos e o impacto causado pela presença dos comunicadores. A Todos Nós, atenta, registrou.

Clientes | Comente

Até São Pedro ajudou

A equipe da Itakron, diante da chuva que desabou na cidade, alterou a previsão de montagem dos novos painéis na fachada da Super Rádio Tupi, em São Cristóvão. Mas São Pedro deu uma aliviada e o trabalho teve início na parte da tarde.

Clientes | Comente

Com as estrelas na capa

A fachada da emissora líder de audiência no Rio de Janeiro ganhou um banho de loja esta semana. A Todos Nós criou um painel sequencial que destaca toda a grade horária da rádio, apresentador por apresentador. O primeiro painel a ser montado destacou os comunicadores da tarde até a madrugada. A equipe da agência, lógico, estava de olho.

Clientes | Comente

Craque em um time de craques

Hoje, 16 de abril, Dia Mundial da Voz, o radialista Paulo Barboza nos deixou, durante a madrugada. Ele, uma das grandes vozes da história do rádio brasileiro, foi por muitos anos expoente na Super Rádio Tupi. Para nós, uma perda ainda mais sentida, porque Paulo era uma das estrelas nas primeiras peças criadas pela Todos Nós para a emissora. Paulo Barboza foi craque em um time de craques. Um ícone inesquecível do rádio, escolheu o Dia da Voz para partir. Faz todo o sentido.

Agência, Clientes, Mercado | Comente
  • Twitter